Publicado por: profpardal | Setembro 10, 2009

O meu contributo para “arrumar” com o PS

 

 

ps- imagens retiradas da net.

Anúncios

Responses

  1. Permita-me que faça uma simples observação.

    Opções políticas à parte, a comparação da Ministra de Educação ao Hitler, trespassa qualquer limiar de seriedade.

    Uma “classe” de profissionais que tanto tem utilizado meios de propagação e influência que tem à sua disposição, esquecendo mesmo as mil e uma profissões que deles não dispõem, a exigir “respeito”, perde toda a legitimidade de acção quando incorre neste tipo de espalhafato.

    Um pouco de decência e vergonha, se faz favor.

  2. Caro F,

    Não devo dar satisfações dos meus posts a ninguém, mas como quem não deve não teme, as fotografias não são da minha autoria, embora eu concorde com qualque uma delas.

    Foi você que associou a ministra a Hitler. Não se esqueça que há mais personagens com o típico bigode: Charlie Chaplin – grande cómico!

  3. Muito bem…
    De qualquer maneira o facto de o Sr. F estar a conotar o bigode a Hitler, vindo de tal senhora estaria a ofende-lo a ele e nunca a essa miséria de pessoa…

    Penso eu de que!!!!

  4. Deixamos-nos de tretas quanto à ideia subjacente do bigode. Já percebi que o que interessa à classe docente, é o ataque ad hominem à ministra, e quanto mais mirabolante melhor.

    Mas pelo que vale, e invocando a minha ascendência Judaica de Belmonte, considero isto uma ofensa grotesca e surreal. A ministra tanto quanto se sabe, e por pior que tenha feito, ainda não mandou assassinar milhões de pessoas com eficácia industrial.

  5. Eis a minha opinião como estudante.
    Nunca, repito [ NUNCA ] tive um ensino como agora.
    Chegava a ter dias sem uma única aula, os professores davam-se ao luxo de faltar e justificar, não acabavam os manuais, e AOS DOCENTES, ANTES DE CRITICAR O GOVERNO, VEJAM SE CUMPREM COM OS SEUS OBJECTIVOS.
    Tive sempre dificuldades com a troca de professores e com matéria em falta.

    Agora, que sou estudante universitário vejo que quem trabalha a sério em nada fica prejudicado.
    Agora, os professores têm medo e não faltam.
    O ENSINO PÚBLICO NÃO É O PALÁCIO DOS PROFESSORES E CUMPRAM PRIMEIRO OS VOSSOS OBJECTIVOS, FAÇAM AS EXIGÊNCIAS DEPOIS.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: