Publicado por: profpardal | Janeiro 29, 2009

Acabo de escrevinhar os meus objectivos individuais. 😦

Sinto-me como uma andorinha de asa partida, ficando para tras na sua viagem. Parece que me apunhalaram pelas costas.

Luta, luta e mais luta para nada! Embora seja contra este modelo, nada posso fazer. Sou obrigada a entregar os objectivos, pois não o fazendo corro o risco de não poder concorrer.

No entanto, espanta-me ver os colegas mais velhos que dias atrás erguiam bandeiras, percorriam km para fazerem ouvir as suas vozes, recuarem neste momento.

É Pena!

Anúncios

Responses

  1. Na minha escola, os únicos que continuam de pedra e cal são os professores do quadro em fim de carreira, aqueles que nada têm a perder. Todos os outros fazem contas à vida e estão na disposição de entregar os objectivos. No entanto, não podemos esperar sempre que eles lutem as nossas lutas por nós…

    (Desculpa, nesta primeira visita, começar logo com críticas, mas tens um lapso ai em cima. Traz é uma forma do verbo trazer e não tem acento.)

  2. E eu esqueci-me do acento em aí :$

  3. Lamento ouvir isso!
    A entrega dos objectivos individuais vai matar a nossa luta.
    Mas, percebo a tua posição. O que custa mais é quem não é contratado entregar. Porque tem medo de ir parar uns kms mais longe de casa.
    Não percebem que por um ou dois anos, estão a comprometer toda a carreira. Que estão a dar carta branca a este ministério para fazer o que entender. Já está aí mais uma a gozar com toda uma classe. Primeiro andaram a correr com os profs mais velhos e agora querem que estes voltem à escola em regime de voluntariado.
    De qualquer maneira, boa sorte!

  4. Obrigada a entregar os OI??? Onde está isso escrito?
    E depois que tem isso( entrega dos OI) a ver com os concursos?
    Penso que a colega deve tentar informar-se melhor sobre as consequências da entrega ou não entrega dos mesmos.

  5. Obrigada pela visita ao meu blogue.
    Mais um docente que cria um blogue; acho que vou gostar.
    Felicidades.

  6. Ei, bell, aquele “trás” é uma preposição. Eu não costumo ocupar-me da ortografia nestes espaços mas já agora…
    Na verdade não há obrigação nenhuma de entregar OI. Se na sua escola todos os da sua situação entregaram, percebe-se que não tenha querido ficar isolada mas não tinha de ir por aí.
    Jovens atrapalhados a entregarem OIs não me escandaliza muito. Irrita-me mais que os “velhos” tenham feito o papel a alegar a reforma próxima para recusar a ADD.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: